Seguidores

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Concurso de Prendas

Participar de um concurso de Prendas é uma experiência maravilhosa!
Você começa a descobrir tanta coisa linda sobre a história do seu povo.
Estimula o seu interesse pela cultura em geral e descobre talentos que talvez não soubesse que existiam.
Vou postar aqui como foram os concursos que eu participei.
É um concurso de 3 fases.
A 1ª é a fase Interna (CTG Herdeiros da Tradição)






O artesanato escolhido foi o tricô.
E a culinária foi arroz doce.
Todo concurso ainda tem uma prova escrita, devemos cantar, declamar e dançar uma dança tradicionalista e uma dança de salão, além de apresentar a VIvência Tradicionalista que é uma espécie de currículo e diário ao mesmo tempo, onde você deve mostrar através de documentos e fotos que divulga o tradicionalismo gaúcho.
Como fiquei em 1º lugar eu pude concorrer na 9ª Região com prendas de outros CTGs.
Esse concurso aconteceu um ano depois do primeiro.


Nesse eu levei ponto cruz e na culinária uma espécie de sopa que na região sul do Brasil se chama Caldo Lourenciano, hum é uma delícia.
Um prato típico de São Lourenço do Sul no RS.
Também fiquei em 1º lugar e pude então participar da fase estadual do Concurso de Prendas um ano mais tarde.


Nessa fase eu também levei o ponto cruz, só que dessa vez fiz uma pesquisa sobre o mesmo e um mostruário que faz parte da maioria de minhas fotos no blog.
Na culinária resolvi homenagear minha cidade natal, Pelotas, e fui ousada, pois levei os famosos doces finos de Pelotas, patrimônio cultural do RS.
Ousada, porque quando se pensa em tradição gaúcha, geralmente associamos à cultura mais campeira, com culinária mais simples.
Mas quem conhece Pelotas sabe que ela foi forjada com um toque sofisticado da Europa.
Os navios que exportavam o charque e traziam muito dinheiro para Pelotas, também traziam revistas, roupas, louças e todo glamour da época no 1º mundo.
Escolhi 3 doces finos para minha apresentação:
Camafeus, feito com nozes, Fios de ovos e quindim (feito com ovos)
Coloque-os em pelotines, papel de seda recortado como uma renda.
O que tem o doce de Pelotas diferente?
Além de todo charme e glamour ele tinha menos açúcar, pois com medo de faltar essa matéria-prima que vinha do nordeste, as senhoras e escravas acabaram diminuindo deixando o doce mais suave.
Nessa fase eu fiquei em 2º lugar.
Um ano após a 1ª prenda participou do Concurso da CBTG e então eu passei a ser a 1ª Prenda Veterana do MTG PR.
Na foto abaixo eu apareço com meu marido, Cristian Armendaris 1º Peão Biriva do MTG PR e com Juliana Laufer, 3ª Prenda Juvenil do MTG PR. 

É uma verdadeira maratona, mas vale muito a pena.




5 comentários:

  1. amiga que lindo esses concursos e que lindas fotos...não conhecia esses seus dotes culinários e aqueles doces deviam estar deliciosos quero a receita deles quando for ai na sua casa tá...bjosss

    ResponderExcluir
  2. Que linda essa minha amiga...adorei conhecer mais de como tudo isso funciona...cultura é tudo :)
    beijinhos querida!

    ResponderExcluir
  3. Que lindo é o povo Gaúcho. Sua tradição seu capricho para com seu Estado e sua cultura nos encanta.
    Tudo de muito bom gosto e de muito carinho, parabéns você é uma bela representante das prendas... Com seu capricho...
    e sua beleza...Bjka...

    ResponderExcluir
  4. Oie, amei este teu vestido cinza, muito lindo mesmoooo!!!! vc quem o bordou? ele é de microfibra? amei!

    ResponderExcluir
  5. Vou concorrer a juvenil com oque decoro os potes de doces?

    ResponderExcluir